Este capítulo é  dedicado a !dy!, e também gostaria de dar as Boas-Vindas à Mandiinha, SEJA BEM VINDA AO MUNDO DE ZANESSA!! =D

Agora, o Capítulo, sem mais delongas:



                                                                                    Zac                       

Estava cansado.

cansado de viver, sofrer, cair, chorar...

E também esperava um milagre.

Um milagre para salvar a razão da minha vida.


eu estava no quarto dela,  afagando sua mão, num mundo paralelo sem vanessa. os pais dela estavam do lado de fora, talvez tão tristes quanto eu... E a Malfeita Kelly? num lugar que só deus sabe. Talvez comemorando sua vitória, talvez não. Só sei que eu desejava estar com anestesia, pra não sofrer tanto... Queria estar sonhando, ates que esse desastre acontecesse. Não conseguia choraar mais. não porque não estivesse realmete triste, mas porquetinha chorado mais do que o possível poderia me dar. Porque sofria tanto? Não Sabia, mas se meu coração decidia que eu era dependente dela, como maconha, mas, de um jeito diferente, eu não era drogado, somente viciado, pois quando estava com ela meu mundo era só um monte de nuvens de felicidade, e sem mminha vanessa não tinha mais esse mundo em mim.

Corbin:-Entrando na sala- Zac, temos que deixar os médicos trabalharem.

Zac: Ok, vou sair.

-Saio da sala, e por meia hora, passo por uma ânsia desesperada na recepção.

-O  médico nos chama de volta-

Vou cambaleando ao quarto e o médico diz:

Dr.: Sinto muito, mas somete um milagre poderia salvar a Srta. Hudgens. Ela está respirando por máquinas e vivendo em estado vegetal. Querem desligar as máquinas e se despedir agora?

Zac: Não tem outro jeito-Digo soluçando-Desligue assim que acabarmos.

*****************************************************************************************************************

Leitores Abrilíssimos, preciso parar agora, mas prometo hoje mesmo uma Parte 3, Quero somente 3 comentários.